Do Outro Lado da Cerca: Space Harrier – Parte 2 de 2

Space Harrier 3D: SEGA Mark III e Master System

Space Harrier 3D - SEGA Master System (1988)

Space Harrier 3D

Apesar do que o título possa sugerir, este não é simplesmente um remake de Space Harrier com efeitos 3D effects – ao invés disso, este é um jogo novo, criado para tirar proveito dos óculos 3D da SEGA. O Efeito é bem impressionante – apesar de nada voar para fora da tela, isso dá ao jogo uma sensação de profundidade que é incrível. O infeliz efeito colateral é que o scroll e movimento são ainda menos fluidos do que eram na versão normal do jogo para Master System. E já que o jogo não é tão fluído, ele é ainda mais difícil que o jogo original. Ainda assim é uma experiência interessante, mesmo se a jogabilidade fundamental do jogo não tenha mudado em nada. Há uma nova coleção de monstros, e alguns dos esquemas de cor usados nas últimas fases (especialmente o vermelho escuro e o negro) são bem distintos dos tons pastéis do original. A história é que Uriah, o bom dragão do primeiro jogo foi raptado, e cabe á você salvá-lo. Isso significar que as fases bônus se foram. A música tema de Space Harrier está de volta, juntamente com um punhado de músicas novas que tocam durante a partida. A versão japonesa também tem suporte a sintetizador FM.

Space Harrier 3D

Existe também a opção para se desligar a funcionalidade 3D, mas exige que se jogue  até conseguir um high score, e então entrar o código que habilita a seleção. Ambas as versões para PlayStation 2 e alguns emuladores permitem que você desligue o efeito 3D desde o início, além de permitir jogar o jogo utilizando os óculos 3D tradicionais de lentes azul e vermelha, utilizado em outras mídias à muitos anos. Apesar de muito do impacto visual se perder com isso, esta é a única maneira de experimentar isso sem ter o hardware verdadeiro.

Space Harrier 3D

MP3s

Main Theme
Bright Rays

Space Harrier 2 - Mega Drive/Commodore 64/Amiga (1989)

Capa de Space Harrier 2 (Mega Drive)

Space Harrier 2 foi um dos primeiros jogos lançados para ambos Mega Drive e SEGA Genesis quando estes foram lançados em seus respectivos territórios. Apesar do Genesis de 16 bits conseguir emular outros jogos arcade como Altered Beast, a falta de scaling por hardware significava que ele não seria capaz de entregar uma experiência no mesmo nível do arcade. O scroll é definitivamente mais fluido, e a visão do horizonte muda quando você se move para cima e para baixo – algo que falta na maioria das versões do jogo original – mas não é tão bem feita quanto gostaríamos.

Space Harrier 2 (Mega Drive)

Sobre o gameplay, quase nada mudou, além de alguns novos inimigos interessantes (o material promocional tenta chamar bastante a atenção para os inimigos “Dark Harrier”) e alguns chefes legais (como o tigre alado, que corre pelo cenário depois que você o acerta o suficiente). Você pode escolher por qual fase deseja começar, mas ainda assim deve completar todas a fases para terminar o jogo. As fases de bônus com o dragão não estão presentes, e foram substituídas por fases onde você voa em cima de jato. É bem parecida com uma fase normal, com a exceção que você é invencível – um tanto decepcionante, na verdade. O novo tema musical é bem viciante, mas ainda não chega perto do tema original. Alguns dos efeitos sonoros são um pouco estranhos, como se os programadores ainda não tivessem dominado bem o chip de som do Mega Drive. De forma geral, é um jogo decente, mas ainda assim é apenas uma sombra do seu predecessor.

Space Harrier 2 (Mega Drive) 2

Sendo lançado originalmente para o Mega Drive, ele também foi portado para o Commodore 64 (uma versão muito ruim, como você pode imaginar) e para o Amiga (que é uma versão bem próxima da do Mega Drive).

Space Harrier 2 (Mega Drive) 3

MP3s

Main Theme

Planet Harriers - Arcade (2000)

Em 2000, a SEGA resolveu ressuscitar o nome Space Harrier em um jogo completamente novo para os arcades, chamado Planet Harriers. Contando com um gabinete para dois jogadores com telas separadas, a jogabilidade de Planet Harriers se parece muito mais com Panzer Dragoon do que com qualquer outro dos jogos antigos da série Space Harrier. Você tem o seu tiro padrão e um laser com lock-on, e você pode ganhar outro para comprar vidas extras ou armas melhores. Ao se jogar com outra pessoa, os dois jogadores podem dividir a energia e aumentar a barra de vida do outro. O jogo conta com um elenco bizarro de personagens selecionáveis, incluindo uma enfermeira, um jogador de beisebol e um rock star.

Personagens: Glenn, Cory Nick e X.

Planet Harriers roda na placa Hikaru da SEGA, que é capaz de produzir belíssimos gráficos em 3D. Infelizmente o jogo só tem cinco fases, mas todas elas são lindas, indo de montanhas verdejantes à florestas no outono até cavernas repletas de lava. A maioria da música , infelizmente, é bem sem graça, com a exceção do tema da loja do Fantasy Zone. É um jogo bem legal – e infelizmente nunca foi lançado para nenhuma plataforma doméstica. Houveram rumores de uma versão para Dreamcast, mas ela foi cancelada sem aviso junto, com o fim do console.

Space Fantasy Zone - PC Engine Super CD (Não foi lançado)

Space Fantasy Zone (anúncio)

Space Harrier e Fantasy Zone sempre foram um tanto relacionados – ambos tinham personagens estranhos, ambos se passam no mesmo mundo (o “Fantasy Zone”), e até mesmo as músicas da tela de high são parecidas. Então alguém teve a idéia de juntá-los em um único super-jogo, Space Fantasy Zone. Todas as fases e inimigos favoritos foram retirados de ambos os jogos, e alguns dos inimigos de Space Harrier ganharam makeovers “fofinhos”…

Space Fantasy Zone

A jogabilidade é a mesma de Space Harrier, com a exceção de que você tem um medidor de escudo e uma única vida. Atirar nos inimigos te dá ouro, e destruir ondas inteiras de inimigos te dá dinheiro extra. Entre as fases, você pode comprar vários powerups diferentes, numa loja inteligentemente chamada “Weaponalds”, incluindo vários tipos de aceleradores de velocidade, tiros mais fortes, armas extras, escudos, bombas, options e todo o tipo de coisa. A variedade de armas é ainda maior que qualquer jogo da série Fantasy Zone. Você também pode ficar perdendo tempo cutucando a barriga da atendente da loja, se assim preferir.

Space Fantasy Zone (2)

Os gráficos mantêm os tons pastéis do jogo original, mas como o PC Engine não consegue fazer scaling, o movimento não é suave como deveria – está quase no mesmo nível do Space Harrier 2 para Mega Drive. A música tema é uma combinação de músicas famosas de ambos os jogos, apesar de toda a música do jogo ser completamente banal. È divertido, apesar de ser um jogo bem curto (apenas 9 fases curtas, comparadas á mais de 18+ dos Space Harriers.) Mas adivinhe qual é a maior tragédia? Este jogo nunca foi lançado oficialmente – ele consta em listas de lançamentos, e foi divulgado (com designs criados pelo famoso artista Satoshi Urushihara), mas acabou sendo cancelado. Ninguém sabe ao certo o porquê – Alguns dizem que isso se deve à disputas legais sobre as propriedades intelectuais, mas isso parece improvável. A tela de título até mostra o copyright da SEGA, apesar do jogo ter sido feito pela NEC Avenue. Felizmente cópias beta do jogo vazaram na internet, e com um pouco de paciência, você deve conseguir uma ISO do jogo para jogar nos emuladores.

Space Fantasy Zone (3)

MP3s

Main Theme

Coletâneas - Space Harrier 2 – Space Harrier Complete Collection – PlayStation 2 (2005)

Space Harrier 2 – SEGA Ages 2500

Em 2005, a SEGA lançou “Space Harrier Complete Collection” como parte da série SEGA Ages 2500. Ela incluía as versões emuladas de Space Harrier para arcade, Master System e Game Gear (este último está escondido – ponha o cursor sobre “Mark III” no menu de seleção e segure para a direita até a opção para Game Gear aparecer), assim como Space Harrier 3D e Space Harrier 2. A emulação é bastante boa, mas não é perfeita – há um pouco de lentidão na versão arcade (que aparece também nas outras versões); há alguns efeitos sonoros estranhos no Space Harrier 2, especialmente durante as explosões; e existem porblemas de desenho no Space Harrier 3D. Apesar destes defeitos, eles estão quase na mesma qualidade que você encontraria num emulador para PC. Finalmente existem várias opções para mudar a resolução de tela, se gráficos em upscaling e filtros te incomodam. Também estão incluídos sound tests, galerias de artwork e um passeio completo pelo jogo arcade. O manual também inclui entrevistas com alguns membros do staff original. Existem também o demo de uma mensagem de erro presente na BIOS de alguns Master Systems japoneses, que tinha o campo quadriculado com scrolling e o tema de Space Harrier tocando ao fundo. Esta pode não ser tão robusta com as várias compilações retrô lançados no ocidente, e não é perfeita, mas é obrigatória para qualquer fã de Space Harrier, especialmente ao se considerar a raridade do Space Harrier 3D.

Clones

The 3D Battles of World Runner - Nintendo Entertainment System (1987)

The 3d Battles of World Runner (NES)

O clone mais conhecido de Space Harrier é um joguinho da Squaresoft chamado “The 3D Battles of World Runner” para o NES. O campo quadriculado pode parecer familiar, mas a jogabilidade é bem diferente – você não pode voar ou atirar, mas você pode pular bem alto. Você basicamente só corre para frente, desvia de inimigos e pula sobre abismos. Quando você chega às batalhas como os chefes, o jogo magicamente te presenteia com  o poder de voar e atirar, onde você precisa matar um chefe muito parecido com os dragões do Space Harrier – exceto que ele é bem menor e mais mal feito. 3D Battles of World Runner é um milagre técnico, especialmente para um jogo de 1987, e é um pouco melhor que a versão para Famicom do Space Harrier. Há também um modo 3D, utlizando óculos 3D azul/vermelho tradicionais, que tecnicamente humilham Space Harrier. Mas infelizmente, o jogo não é mais divertido.

Feedback – MSX2 (1988)

Nota do Tradutor: esta estrada sobre o jogo Feedback não faz parte do artigo original e foi adicionada para deixar o artigo mais completo, já que este site é sobre MSX, no fim das contas ;)

Feedback (MSX2)

Como este é um site de MSX, não poderíamos deixar de falar sobre o famoso “Space Harrier” do MSX, Feedback, lançado em 1988 pela Tecno Soft (famosa nos vídeogames pela série Thunder Force). Já falamos brevemente sobre ele aqui no MSX Resources, mas segue abaixo um vídeo mostrando a abertura e um pouco do gameplay do jogo:

Typing Space Harrier

Typing Space Harrier

Como prelúdio para a obra-prima da SEGA “Typing of the Dead”, alguém achou que seria legal combinar Space Harrier com um tutorial de digitação. logo é como assistir alguém jogando uma partida de Space Harrier, com a exceção de que quando os inimigos aparecem na tela, você precisa digitar palavras em japonês (em alfabeto latino) para derrubá-los. Seja muito lento e morrerá. Algumas letras também aparecem rapidamente. Uma idéia bem interessante, mas não consigo entender porque vender um jogo destes por 4800 yen (um pouco mais de 40 dólares).

Conclusão

Space Harrier é o exemplo perfeito de um clássico atemporal – é ainda tão divertido e jogável quanto era na sua época. Desde então, abriu o caminho para outros jogos de tiro em 3D, como Star Fox e Panzer Dragoon, da própria SEGA. SEGA, agora só fala vocês começarem a trabalhar num port do Planet Harriers…

Space Harrier (Game Gear)

Links

The Space Harrier Absymbel – Um site excelente, com scans das várias versões do jogo.
MobyGames – Space Harrier -  Tem vários screenshots.
Sega-16 – The History of Space Harrier - Outro ótimo artigo sobre a série, incluindo um vídeo de Planet Harriers.
Siliconera – Space Harrier II Complete Collection - Meu review do SEGA Ages Collection.

Vídeos

Space Harrier 3D (Master System)

Space Harrier 2 (Mega Drive)

Space Harrier 2 (Amiga)

Planet Harriers (Arcade)  - Parte 1

Planet Harriers (Arcade)  - Parte 2

Space Fantasy Zone (PC Engine)

The 3D Battles of World Runner (NES)

Uma resposta para “Do Outro Lado da Cerca: Space Harrier – Parte 2 de 2

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s